Dicas úteis,  Florianópolis,  VIAGENS

A verdade sobre o turismo (e o turista) em Florianópolis

Acabei de ler uma reportagem do Diário Catarinense sobre turismo em Santa Catarina e fiquei meio em choque. Ano passado o estado recebeu 5 milhões de turistas, este ano, a previsão é para 8 milhões. Não sei como é nas outras cidades, mas aqui em Florianópolis essa época é bem complicada e algumas pessoas, que moram aqui, são extremamente contra o turismo na ilha e quem é turista se revolta com a essa atitude, mas, na real, não sabem o verdadeiro motivo.

Eu explico a verdade sobre o turismo. Florianópolis simplesmente não tem infraestrutura pra receber a quantidade de turista que recebe, simples assim! Os moradores, principalmente dos bairros do norte da ilha, ficam sem água e sem luz, muitas vezes por mais de 10 dias, eu já passei por isso.  Quando me mudei pra cá, fui morar no bairros dos Ingleses e foram 13 dias sem água, em pleno Natal e Ano Novo. Sem uma gota na torneira! Agora imagine você, que mora em São Paulo, no Rio de Janeiro, ou onde quer que seja, tendo que trabalhar todo dia, cozinhar, lavar louça, DURANTE 13 DIAS SEM ÁGUA! Imaginou? então já pode começar a colocar a mão na consciência e entender, e ainda tem mais…

Agora eu moro no sul da ilha. Aqui no Campeche não falta água, mas fica impossível sair na rua, os turistas não respeitam os pedestres, nem o trânsito. Aqui, todo mundo pára para pedestres, se você é de fora e não está prestando atenção, você pode atropelar uma pessoa, porque é costume atravessar em faixa de pedestre e os carros pararem pra você. Além disso, andam à 2 km por hora porque estão “conhecendo” o lugar. Vou eu andar na Av. Paulista, ou na 23 de Maio nesse ritmo, passam por cima de mim!

Muitos turistas não percebem que ELES  estão de férias, mas tem muita gente que mora aqui, e que está trabalhando todo dia, exatamente como o turista faz o ano todo. Essa falta de noção, faz com que nosso amigo turista fique com a música alta até a madrugada, muitas vezes virando a noite toda, atrapalhando, E MUITO, os moradores.

A quantidade de lixo que deixam na praia é impressionante. Esse, além do problema á água, é o que mais incomoda. Abandonam até cadeira e guarda-sol, fora latinha, bituca, sacola plástica e etc. Sei que estou generalizando, mas é isso que acontece com a maior parte dos turistas, falta de respeito ao lugar e aos moradores, e ainda se sentem ofendidos quando os “manés” falam pra não vir pra Florianópolis, ou são estúpidos com os turistas. Helloooo…. se vocês respeitassem, eles também te respeitariam!!!!

Ainda tive que ler uma pessoa (que não deve ser daqui) comentando uma foto que uma manézinha postou com o lixo na praia: “pare de reclamar ajude a limpar!” Não dá vontade de bater na cara de uma pessoa que fala isso?????

TODOS NÓS QUE MORAMOS AQUI VAMOS PARA A PRAIA O ANO TODO, E ELAS CONTINUAM LIMPINHAS!

Então por favor, pare de sujar enquanto eu reclamo! Se você conseguiu trazer a mochila cheia, pode muito bem levar seu lixo de volta!

turismo-floripa

Os haters vão dizer que nem sou daqui e estou dando pitaco, e não sou mesmo! Sou paulista e moro em Florianópolis, respeito todos os manés, respeito todas as tradições, limpo meu lixo, corto meu gramado, pago meu aluguel. E aí eu te digo, hater, meu amigo, se eu, que nem sou daqui, fico incomodada essa quantidade enorme de turistas mau educados e sem noção, imaginem eles!!!!

Então turista, amigo! Seja um turista consciente, siga as dicas abaixo:

– Respeite os vizinhos da casa onde está hospedado, eles podem não estar de férias como você.
– Respeite os pedestres.
– Não estacione em lugar proibido.
– Não abra o porta mala do seu carro com seu som super potente na rua para ouvir música.
– Não ande no trânsito à 2 km por hora porque está vendo o que existe em volta, tem gente que precisa chegar no trabalho na hora.
– Não escute música no último volume, só você quer escutar, então pode colocar baixinho, deixe seu vizinho dormir.
– Respeite as pessoas que estão em volta, na rua, na praia, na calçada.
– Vista suas roupas para ir ao mercado, não é porque você está na praia que fazer compras só de sunga ou só de biquíni deixou de ser nojento.
– Retire o lixo que você produz na praia e leve até uma lixeira, ou até sua casa, ou até seu hotel, mas retire o lixo da praia e não jogue ele na rua.
– Economize água e luz como se estivesse na sua própria casa.
– Respeite os manés, eles podem ser estúpidos com você, mas entenda, pra eles, vocês estão invadindo e sujando o quintal da casa deles.
– Peça desculpas
– Fale Obrigado
– Seja Educado

Se houver respeito mútuo, todo mundo fica contente!

E você, querido hater mau educado, pare de falar que Florianópolis vive de turismo, Florianópolis vive de muitas coisas! Nós moramos no paraíso, recebemos turistas o ano todo! Turista educado, turista consciente é sempre bem vindo.

haters gonna hate o/

Beijos!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *